64 communities
Visualization and filter options
Sort by:
Name
Date
Filter by:
Tags
Apply

Água Branca (Distrito da Barra Funda)

population: -

Localização

Água Branca é um bairro paulistano, localizado no distrito da Barra Funda, zona oeste.

Estrutura

É neste bairro que se localiza o Parque Dr. Fernando Costa, ou Parque da Água Branca. O Parque tem como enderêço a Avenida Francisco Matarazzo, 455. Nele funciona o Gabinete da Primeira Dama do Estado de São Paulo, a esposa do Governador em exercício, na direção do Fundo de Solidariedade e Desenvolvimento Social e Cultural do Estado de São Paulo, com entrada pela Rua Ministro de Godói, 180.

Subordinado à Secretaria de Cultura de São Paulo, sedia várias organizações ligadas à agricultura e à pecuária, além de ter uma feira de produto orgânicos. Serviu em seus primórdios para o leilão de animais, como bois e vacas. O parque é uma área de lazer para os habitantes da região durante os fins-de-semana, sendo também o lar de inúmeros gatos, gansos, galos e galinhas. É onde está localizado o Estádio Palestra Itália, o "Parque Antártica" da Sociedade Esportiva Palmeiras e Os estúdios da Fundação Padre Anchieta.

Americanópolis

population: -

Localização

Americanópolis é um bairro na Região Administrativa Centro-Sul de São Paulo. Fica nos distritos do Jabaquara e Cidade Ademar que fazem parte da Subprefeitura Jabaquara e Cidade Ademar respectivamente.

Acesso

O bairro fica situado ao sul da Estação Jabaquara do mêtro Linha Azul. A principal via do bairro é a Avenida Cupecê, que corta a região. A Rodovia dos Imigrantes passa perto ao leste do bairro.

Participação de projetos

PCU São Paulo

Barra Funda

population: -

A Barra Funda é um distrito tradicional da região oeste do município de São Paulo, com 5,6 km² de superfície, subordinado à subprefeitura da Lapa. Apesar da pequena superfície, o distrito possui em seu território o Terminal Barra Funda, o Memorial da América Latina, o Estádio Palestra Itália, pertencente ao clube de futebol Palmeiras, os Centros de Treinamento (CT) do mesmo Palmeiras e do São Paulo F.C., prédios empresariais como os da PricewaterhouseCoopers, os estúdios da Rede Record de Televisão, além do parque de diversões Playcenter. Situado em uma área de várzea ao sul do rio Tietê, cortada desde o século XIX por duas ferrovias (Santos-Jundiaí e Sorocabana), foi durante muitos anos uma região de vocação industrial. Atualmente se tornou uma zona de classe média e pequenos escritórios. Em seu limite se encontram o Parque Fernando Costa (Parque da Água Branca) e o terminal rodoviário da Barra Funda, que funciona junto com a estação terminal da Linha 3 (vermelha) do Metrô de São Paulo.

Bom Retiro (distrito de São Paulo)

population: -

Bom Retiro é um distrito situado na região central da cidade de São Paulo. Trata-se de uma região essencialmente comercial, com a áreas industriais e residenciais em constante processo de decadência. O distrito é atendido pela Linha 1 (Azul) do Metrô de São Paulo e pelas linhas 7, 10 e 11 da CPTM. Futuramente, também será atendido pela Linha 4 (amarela) do Metrô de São Paulo.

Brasilândia (distrito)

population: 264918

Perfil e localização

Brasilândia é um distrito situado na Zona Noroeste de São Paulo, com área de 21 km²[1]. A população está estimada em 264.918 habitantes (2010)[2]. O tipo de moradia predominante é favela e COHAB.

Faz divisa com os distritos de Cachoeirinha, Freguesia do Ó, Jaraguá e Pirituba e com o município de Caieras.

Principais bairros

Seus principais bairros são: Brasilândia, Jardim Guarani, Vila Penteado, Jardim Paulistano, Jardim Elisa Maria.

Geografia

Praticamente metade do distrito é área de preservação, já que é coberta pelo Parque Estadual da Serra da Cantareira.

Administração política

O distrito de Brasilândia pertence à subprefeitura Freguesia/Brasilândia.

Histórico

O distrito da Brasilândia tem origem no desmembramento de lotes existentes no início do século XX. Na década de 1930 sítios e chácaras de cana de açúcar foram convertidos em lotes residenciais. Nas décadas de 1950 e 1960 o local passou a receber um fluxo intenso de migrantes do nordeste do país além de famílias vindas do interior. Habitantes da própria cidade também se mudaram para o distrito buscando alugueis mais em conta.

O registro do primeiro loteamento em Brasilândia, a cargo da Companhia Líder, aconteceu em 24 de janeiro de 1947. Através da sanção do Projeto de Lei número 11.342, de 10 de novembro de 1992, o então prefeito Paulo Maluf decretou a data como o “Dia da Brasilândia".

Mobilidade

O distrito é cortado por cinco principais vias de acesso: Avenida Deputado Cantídio Sampaio (acesso do Rodoanel Mário Covas), Estrada Lázaro Amâncio de Barros, Avenida João Paulo I, Avenida Inajar de Souza e Avenida Itaberaba.

O terminal de ônibus próximo da Brasilândia é o Vila Nova Cachoeirinha. De lá tem partem ônibus para os bairros. Pelo distrito também passam linhas dos bairro que vão para o centro, como Sé e Praça do Correio. A estação de metrô mais próxima é a Santana, de lá saem ônibus para os bairros passando pelas vias principais e também para o terminal Cachoeirinha.

A distância entre o distrito e a Sé (marco zero) é de quase 35 km. Utilizando o transporte público, em bom fluxo, os usuários levam cerca de 50 minutos para realizar o trajeto.

Referências

Buraco Quente

population: -

Comunidade perto da Avenida Washington Luiz.

Cachoeirinha

population: -

Localização

Comunidade do distrito de Cachoeirinha - SP

Cantinho do Céu

population: 30000

Localização

Cantinho do Céu é um bairro pertencente ao distrito do Grajaú na Subprefeitura da Capela do Socorro na Zona Sul da capital paulista. O bairro é cercado pela Represa Billings.

Participação de projetos

  • PCU São Paulo

Casa Verde (Distrito de São Paulo)

population: -

Conhecido anteriormente sob o nome de Vila Tietê, tornou-se subdistrito, separado de Santana, em 1928. Perdeu parte de seu território em 1964, para a constituição dos subdistritos de Limão e de Vila Nova Cachoeirinha. Em 1986, toda a configuração de distritos e subdistritos da cidade de São Paulo foi alterada por lei municipal. No início do século XX recebeu um grande número de habitantes que eram escravos e seus descendentes, transferidos de áreas mais próximas ao centro da cidade, o que faz com que a população afrodescendente ainda seja predominante em muitas ruas do distrito. O distrito passou a ser conhecido por seu nome atual devido a um sítio na margem do rio Tietê cujo dono, José Arouche de Toledo Rendon, batizou de Casa Verde, pois a casa-sede de janelas pintadas de verde chamava tanta atenção como referência, que suas irmãs acabaram ficando conhecidas como “as meninas da Casa Verde”. O nome pegou e nunca mais mudou.

O Fórum Regional de Santana. Em 1857, Toledo Rendon vendeu suas terras para Francisco Antonio Baruel, pai de um farmacêutico muito conhecido na cidade, que depois repassou uma parte ao tenente-coronel Fidélis Nepomuceno Prates. Finalmente, em 1882, elas acabaram nas mãos de João Maxwell Rudge, filho do inglês John Rudge, cujos herdeiros as lotearam em 1897 para criar um bairro com o nome de Vila Tietê. No entanto, a lembrança das “meninas da Casa Verde” foi mais forte. No distrito encontra-se parte da Avenida Engenheiro Caetano Álvares, nesta situa-se o Fórum Regional de Santana.

Chácara Bandeirante

population: -

Localização

Fica perto da Represa Guarapiranga.

Log in

or
Do not have an account yet? Forgot your password?